Blog

 

proclogo

 

APOIO À TRANSIÇÃO:

para uma vida criativa e realizadora

 

A recolocação se tornou um fenômeno amplo e mundial. As empresas estão se ajustando às necessidades do mercado e faz parte readequação do quadro de pessoal. Nosso objetivo é transformar o desligamento de um funcionário em uma oportunidade de desenvolvimento e crescimento deste profissional.

carreira

Neste processo de transição, algumas pessoas aproveitam para buscar um novo projeto de vida, mudança na área de atuação ou para outro segmento. Seja qual for o projeto para carreira, é importante obter apoio profissional para a atravessar este período de incertezas. Para tanto, é necessário tempo e planejamento para que as ações resultem em bem-estar e sucesso.

 

 

OBJETIVOS DO PROCESSO DE TRANSIÇÃO

 

  • Familiarizar-se com a recolocação, e desenvolver um senso de auto-valorização e confiança;
  • Fazer um inventário de sua vida e realizações até hoje;
  • Auto-avaliação: Avaliar potenciais, habilidades, limitações, oportunidades e ameaças;
  • Entender o stress e as transições da vida, e como lidar com elas;
  • Explorar opções de carreira, e formular uma direção para o futuro (emprego, consultor, negócio próprio, entre outras);
  • Entender os princípios da busca de emprego, desenvolver habilidades específicas: escrever o CV e a carta de apresentação, lidar com uma entrevista e com os processos seletivos;
  • Mapeamento de empresas no mercado;
  • Caso queira desenvolver negócio próprio, tornar-se um empreendedor, avaliar o perfil profissional, pesquisar o mercado e avaliar os riscos (visão, controle e execução do plano);
  • Formular objetivos e ações e planejar como superar as barreiras.

 

  • ESTE TRABALHO NÃO GARANTE A RECOLOCAÇÃO DO PROFISSIONAL NO MERCADO DE TRABALHO E NEM ENTREVISTAS EM PROCESSOS DE SELEÇÃO.

 

 

CONTEÚDO

                       

  • Levantamento de necessidades e expectativas e alinhamento das estratégias no período de Transição Profissional;
  • Definição dos objetivos profissionais;
  • Análise e avaliação das qualificações, experiência e resultados profissionais;
  • Inventário comportamental e feedback, ressaltando os pontos fortes e pontos para desenvolvimento;
  • As competências solicitadas à área e ao mercado;
  • Na abordagem ao mercado, suporte para ações gradativas e estratégicas;
  • Negociação salarial;
  • Desenvolvimento do senso de autovalorização e confiança;
  • Finalização com a elaboração de plano de ação para continuidade e sustentabilidade do seu desenvolvimento profissional.

 

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on Twitter